5 Coisas Que Você Precisa Saber Antes de Iniciar Um Negócio Online

Iniciar um negócio online é tão desafiador quanto iniciar um negócio fora da internet.

Porque assim como no mundo físico, no virtual há todo tipo de risco e desafios.

E embora haja tantas ferramentas e recursos sendo muitos desses gratuitos, para ajudar você a desenvolver seu novo empreendimento, há uma série de coisas que você precisa saber antes mesmo de dar o primeiro passo.

Assim você diminui e muito suas chances de fracassar logo de cara.

Veja agora 5 coisas que você precisa saber antes de iniciar um negócio online, seja ele qual for:

iniciar um negócio na internet o que é preciso saber
Seja qual for o tipo de negócio na internet, veja 5 coisas que você precisa saber antes de iniciar

Conheça seu público

Para quem você pretende oferecer seu produto ou serviço na internet? Qual o perfil do seu público? Feminino, masculino ou ambos? Adulto ou infantil? Onde mora esse público? O que eles fazem e com o que gastam seu tempo livre e dinheiro?

identificar público alvo na internet
Qual o seu público alvo na internet?

Com tantas perguntas assim, até parece que será difícil sair do lugar. Mas com as ferramentas certas você pode descobrir essas e muitas outras informações sobre o mercado e tipo de público que você visa atender.

Uma pesquisa de mercado online pode ser conduzida para obter todo tipo de informação necessária sobre seu público. Veja aqui como você mesmo pode fazer essa pesquisa sem gastar nada.

Conheça seus concorrentes

Conhecer seus concorrentes pode ser tão importante quanto saber quem será seu público na internet.

Identificar seus principais competidores ajudará você a lidar com eles, desenvolver estratégias para não ser esmagado pela concorrência logo no início e até mesmo aprender algumas estratégias que eles usam que você também poderá aplicar em seu negócio.

A pesquisa de mercado online mencionada no tópico anterior também pode ser usada para descobrir quem serão os concorrentes do seu negócio na internet.

Defina sua marca e o propósito do seu negócio

Lançar um negócio na internet sem nenhum propósito dificilmente vai ajudar você a se destacar entre tantos.

Estamos em uma era em que os consumidores são mais que consumidores. Há uma exigência muito maior. Eles não buscam apenas por um bom produto ou serviço. Eles buscam por soluções definitivas para um problema ou necessidade.

Seu negócio precisa ter um propósito que vai além de simplesmente vender um produto. Ele precisará disso como fator diferencial. Pois é disso que o público está atrás. Do diferencial.

E tudo isso deve estar bem representado na sua marca. Tanto o nome quanto a logomarca deve constar uma mensagem clara e objetiva do que se trata e quais objetivos e propósito do seu negócio.

Evite nomes longos e logomarca com muitos detalhes e cores (salvo algumas exceções como o ramo de tintas ou arte). Seja direto, original mas sem perder o bom senso de estética. Veja alguns exemplos:
ideias de logotipos criativos negócio online
Logotipos criativos de negócios diversos

Embora sejam simples, todas são visualmente atraentes e não é preciso esforço para identificar a que tipo de negócio pertencem.

Leve esse detalhes em consideração na hora de criar o nome e logo. Mas caso você não domine desenho digital, contrate um profissional ou um freelancer. Há vários na internet que fazem excelentes trabalhos por um valor bem mais acessível.

Além disso sites como o Withoomph pode te ajudar a criar você mesmo sua logomarca online e por um preço que cabe no seu bolso.

Estratégia de Marketing

estratégias de marketing digital
Você já pensou em como pretende fazer as pessoas conhecerem seu produto ou serviço? 

Porque se acha que depois de tudo pronto, basta sair compartilhando o link da sua loja virtual ou página de produtos nas redes, é melhor pensar de novo. Porque só isso não vai funcionar.

Você precisará uma estratégia de marketing bem definida para garantir que seu produto ao ser lançado na internet, seja visualizado pelas pessoas certas e a maior quantidade delas possível.

E isso é só o começo. Porque ter um monte de gente online fazendo o primeiro contato com seu negócio é super bacana, só que o mais bacana é quando você consegue atrair o interesse dessas pessoas a conhecer melhor o seu produto, visitando seu ecommerce e após isso conseguir a conversão.

Mesmo que no começo a conversão não seja uma venda, ela pode ser a inscrição na newsletter, cadastro no site, etc. 

O importante é fazer com que o visitante fique conectado ao seu site e volte para ele novamente em outra oportunidade. Assim, você conseguirá vender para ele mais de uma vez.

Para isso é necessário um cuidadoso planejamento da sua estratégia de marketing envolvendo campanhas muito bem elaboradas de anúncios nas principais mídias como Facebook Ads, Google Adwords ou Instagram Ads.

E claro que uma boa ferramenta de email marketing também não pode ficar de fora. Com ela você irá obter sua lista de inscritos para enviar todo tipo de novidade sobre seu negócio diretamente no email deles.

O uso de cada uma dessas ferramentas deve ser muito bem planejada dentro da sua estratégia de marketing digital. Porque só assim você vai conseguir ter um retorno satisfatório do investimento de cada campanha executada.

Fique por dentro das leis

iniciar um negócio online leis para o ecommerce
Artigo 1º das novas regras para o
ecommerce no Brasil
Isso mesmo. Leis. Da mesma forma que nos negócios no mundo de pedra, no ambiente de bits há leis específicas que você precisa ficar por dentro para não sofrer penalidades no futuro.

Por exemplo, no e-commerce há um conjunto de leis que você precisa se inteirar antes de colocar sua loja virtual no ar.

Nessa página do SEBRAE, você tem acesso ao regulamento de aspectos legais do e-commerce, também disponível para download em PDF. É um bom lugar para começar a estudar o assunto.

Além disso, vale a pena dar uma olhada também na lei que regulamenta o uso da internet no Brasil. Pois quanto mais por dentro das leis você ficar, mais seguro será para o eu negócio online.


Concluindo



Você acabou de ver 5 coisas importantes para saber antes de dar vida ao seu negócio na internet.

É claro que há outras informações que vale a pena saber além dessas, sendo que algumas pode variar de acordo com o tipo de negócio que você pretende iniciar.

Por isso, independente de você estar pensando em trabalhar como frelancer, blogueiro, montar uma loja virtual, quanto mais você estudar sobre seu campo de atuação, maiores serão suas chances de empreender com sucesso na internet.


Quer saber mais? Então veja:
Leia Mais ►

10 Hábitos e Atitudes de Empreendedores Digitais Bem Sucedidos

Empreender na internet já se tornou uma realidade para muitas pessoas que sonham em ganhar a vida de um jeito diferente e mais confortável. Mas no meio de tantos, poucos se destacam no mercado digital.

Porque diante de um mundo tão competitivo, o sucesso acaba não sendo para todos. Mas há alguns hábitos dos grandes empreendedores digitais da atualidade que podem ser seguidos. Hábitos que podem lhe ajudar a empreender com sucesso na internet.


hábitos de empreendedores digitais bem sucedidos
10 Hábitos e Atitudes de Empreendedores Digitais Bem Sucedidos


Siga um propósito

Qual o propósito do seu negócio? E qual o propósito de vida você pretende realizar ao criar esse negócio?

Se você tem as respostas dessas perguntas, então diferente da maioria dos empreendimentos na internet, você tem um diferencial de mercado.

E é disso que o público está atrás. Do diferencial.

Estamos na era do consumidor inteligente. Um perfil de consumidor muito mais exigente e que busca cada vez mais saber que tipo de produto ou serviço está prestes a consumir.

Há até mesmo clientes que se preocupam com o tipo de impacto com o meio ambiente, sociedade ou em si próprio determinado produto irá causar. Isso é uma tendência forte e real. E você precisa estar atento a isso.

Os empreendedores digitais que se destacam já perceberam isso e com base nessa realidade, lançam projetos incríveis que não só visam vender e ganhar dinheiro, mas resolver os problemas das pessoas, mudar a vida das pessoas de alguma forma.

E então? Qual o propósito do seu negócio? Qual o seu propósito? 

Entenda a importância dos atributos digitais

Outro hábito encontrado empreendedores de sucesso na internet é que eles estão por dento dos principais conceitos, plataformas, ferramentas e recursos encontrados no mercado digital.

O que é natural, pois não dá para ir muito longe quando não se tem a noção do que é fundamental nesse tipo de negócio.

Se você está começando o seu empreendimento digital, busque o quanto antes compreender e dominar os principais requisitos para iniciar um negócio online

E esqueça os atalhos. Eles não existem. Os que encontraram o sucesso aprenderam com seus erros e transformaram isso experiência para não cometê-los novamente.

Mas claro que existem importantes aliados que te ajudarão a obter expertise no digital. A própria internet é um exemplo disso. Lá tem informações gratuitas ou pagas como cursos online. 

Faça network

Embora o principal território de atuação do negócio seja na internet, um empreendedor digital bem sucedido não se limita apenas ao online.

Fazer parte de eventos relacionados, workshops, conferências, palestras ou cursos presenciais também faz parte do comportamento de quem empreende bem na internet. 

Por isso sempre que houver uma oportunidade de aprender em um desses eventos ao mesmo tempo em que conhece outros empreendedores digitais, não deixe passar. 

Além disso, lá pode estar a chance de uma grande parceria, se você estiver disposto a trabalhar dessa forma.

Seu público não precisa ser limitado apenas a quem vai consumir seu produto ou serviço. Eles também podem ser outras pessoas que possuem grande influência na internet e podem gostar do seu trabalho. 

E caso isso aconteça, você será muito bem falado por essas pessoas na internet ou até mesmo fora dela.

E não custa lembrar: tenha sempre em mãos seu cartão de visita muito bem elaborado quando estiver fazendo network.

Sempre pronto para se adaptar às mudanças

Mudanças estarão sempre presentes no futuro do seu negócio. As vezes mais rápido do que se pensa. Mas um empreendedor hábil consegue dançar sem tropeçar, a música que o mercado toca.

Saber se adaptar às mudanças que ocorrem de tempos em tempos pode ser um dos fatores decisivos para se tornar um blogueiro bem sucedido ou um grande nome no Marketing Digital.

Mas quando eu falo em mudanças, não me refiro apenas ao que acontece no mercado em que você atua. É mais que isso.

Mudanças também acontecem em nossas vidas. Hoje você está como está, mas amanhã pode descobrir que um filho está para chegar ou por alguma razão terá de mudar de cidade, enfim. A vida não para até o último dia.

E o mesmo vale para seu empreendimento. Se ele for um projeto de vida, também não pode parar. Lembre-se do propósito que falamos no primeiro tópico.

Portanto fique atento às mudanças. E esteja sempre pronto para elas. Você precisa se adaptar a tudo que for preciso para manter seu negócio caminhando.

Ande lado a lado com a inovação

Esse é um dos hábitos que podem fazer a diferença entre o sucesso e o fracasso. 

Muita gente sonha em ter ideias que podem mudar o mundo. Porém apenas uma pequena porção dessas pessoas conseguem realmente realizar isso. Principalmente porque, se há uma coisa que existe no mundo dos negócios hoje em dia são ideias.

Empreendedores com mentalidade inovadora sabem que na época atual, é difícil inventar algo novo. E por causa disso, eles já tem o pensamento antecipado de que sempre quando for pensar em uma ideia, ela tem de ser pensada de modo que alguém já pensou nela antes.

Por que?

Porque desse modo você não precisará sofrer para criar uma ideia nova. Você será capaz de inovar completamente uma ideia que já existe. Apresentá-la ao mundo de um jeito que ele nunca viu.

Isso é o que podemos chamar de pensar dentro da caixa de um jeito totalmente diferente.

Não ter medo de errar

O modelo do ensino tradicional da escola acostumou os alunos a levantar mão na aula apenas se este tivesse a certeza de que sabia a resposta correta. O erro sempre foi visto como algo negativo. 

Mas para alguém que tem visão de negócio, isso é visto como uma oportunidade de aprendizado, melhora e de como o negócio não deve ser conduzido se o objetivo é o sucesso. 

Muitas startups tiveram de mudar várias vezes no caminho até conquistar seu espaço no mercado.

Portanto quando cometer erros no seu negócio lembre-se daquele pensamento de Thomas Edison:

“De fato, não fracassei ao tentar, cerca de 10.000 vezes, desenvolver um acumulador. simplesmente, encontrei 10.000 maneiras que não funcionam.”

Agilidade nos negócios

Ser ágil é um atributo que sem dúvidas faz a diferença na hora de lidar com a concorrência.

Quando se fala em agilidade, é preciso levar em consideração todas ações em seu negócio. A internet é um ambiente de constante mudanças e acompanhar isso requer dedicação e mentalidade empreendedora.

Um empreendedor digital de sucesso é capaz por exemplo, de identificar o quanto antes as razões de uma página de determinado produto estar com um desempenho tão inferior às outras páginas e sem demora, descobrir uma solução para o problema e aplicá-la com eficiência.

Manter a mente ciente de o que está funcionando hoje, pode não funcionar amanhã é uma forma de manter o hábito de pensar com agilidade.

Seja sempre você

Ao trabalhar em seu marketing pessoal na internet, tenha o extremo cuidado de fazê-lo de modo a reforçar positivamente sua marca e não para fazer você parecer mais uma cópia de um grande nome no mercado.

Digo isso porque é normal pegar um modelo de negócio bem sucedido na internet para começar o seu. 

Porém, muitos caem na armadilha de usar demasiadamente esse método ao ponto de esquecerem seus próprios perfis profissionais e no fim transformando o empreendimento em apenas “mais do mesmo”.

Se você quer se inspirar em um modelo de negócio bem sucedido, vá em frente. Só tenha cuidado para sem querer, não deixar de ser quem é. Seja sempre você. Pois você é único. 

E essa característica faz um empreendedor se destacar entre muitos.

Compartilhe seu conhecimento

Você já observou como os grandes empreendedores na internet, estão sempre compartilhando suas ideias e aprendizados? Seja através de blogs, webinars ou nas redes sociais. E também fora da internet em palestras ou até em um simples bate papo.

E são informações tão valiosas que até os concorrentes ficam de olho. Porém esse costume tem um retorno enorme. Mesmo quando esse conhecimento é compartilhado de graça.

Pois se são informações tão boas que não se encontram em qualquer lugar, muita gente vai se interessar e muita gente significa que seu negócio está expandindo seu alcance.

E também há aquela premissa de que se você está oferecendo esse conteúdo de graça, o pago será muito melhor. Essa é uma estratégia que funciona muito bem. 

Além do mais, você vai descobrir fazendo isso, o quão prazeroso é passar adiante o que você aprendeu e ver que outras pessoas poderão aprender com você a realizar sonhos, atingir metas e objetivos.

É gratificante. 

Porque no fim das contas, se há um propósito, então tudo que você fará não é apenas pelo dinheiro. É por algo que faça um sentido em sua vida. 

O dinheiro é uma consequência da realização do seu propósito e do sucesso que você conquista ao resolver os problemas das pessoas com o seu produto ou serviço.

Estude e busque aperfeiçoamento sempre

No mundo do empreendedorismo digital não há espaço para mentes estagnadas. Uma mente curiosa é fundamental. Isso é o mínimo que você precisa para entrar no jogo. Mas a partir daí, você precisa aprender constantemente sobre o que diz respeito ao digital.

Jamais cometa o erro de achar que o que você aprendeu será sempre o suficiente para tocar seu negócio na internet e lidar com a concorrência.

Novos conceitos, técnicas e recursos de Marketing Digital surgem. Ferramentas incríveis são criadas. Atualizações nas mídias sociais também são constantes. E tudo isso as vezes acontece em uma velocidade assombrosa.

Por isso que é preciso que você seja ágil em seu aprendizado. Diante do cenário pode parecer algo próximo ao impossível mas não é.

Há recursos que podem ajudar a lhe manter atualizado sobre tudo o que ocorre no mundo digital.

O Google Alertas pode lhe enviar generosas atualizações direto no seu email sobre determinado tópico.

Você pode se inscrever nos principais sites relacionado a um determinado assunto o qual você quer ficar por dentro.

Sites como Search Engine Roundtable, Search Engine Watch ou o blog da Agência Mestre tem conteúdos e notícias preciosas sobre SEO, Marketing Digital e muito mais.

Diante de tanta informação, não há como ficar desatualizado. Até porque ficar desatualizado não é uma opção. Portanto estude. Estude sempre.

Pronto para empreender com sucesso na internet?


Você acabou de ver hábitos e atitudes que diferenciam os empreendedores que conseguem lançar um negócio incrível na internet. Você também pode ser um deles se começar a agir.

Se você ainda não começou, faça. Não amanhã, mas agora. Mesmo que seja com um pequeno passo. Mas você é capaz de começar agora. Acredite, comece, planeje, coloque em prática e você verá as coisas acontecer.

Leia Mais ►

Como Começar A Vender Produtos Pela Internet Gastando Menos

A ferramenta Nº 01 que vem à mente quando se fala em vender pela internet é a loja virtual.

Mas como começar a vender produtos pela internet sem gastar com lojas virtuais, anúncios ou outros serviços?
Isso é o que você verá nesse artigo onde mostro quais as formas mais baratas de vender seus produtos online e dicas para conseguir bons resultados. Principalmente se você estiver começando.



como vender pela internet gastando menos
As melhores alternativas para você vender seus produtos online gastando menos


Loja Virtual Grátis


Diferente de uma loja virtual paga, vender produtos com uma loja virtual grátis irá lhe poupar de um gasto que faz muita diferença em seu lucro mensal.

É claro que uma loja virtual feita em uma plataforma gratuita tem suas limitações. Mas se você se esforçar bem e trabalhar corretamente o SEO da sua loja online, usar as redes sociais e estratégias offline para divulgar seu negócio, as vendas irão acontecer.

Algumas plataformas gratuitas de loja virtual bem populares e que não deixam a desejar são a Loja  Integrada, Loja2 e Shopitos.

Se quiser saber mais sobre o assunto, veja passo a passo, como montar uma loja virtual totalmente grátis, sem nenhuma dificuldade.

Grupos nas redes sociais

Se você não tem recursos ou conhecimentos para vender seus produtos com uma loja virtual, então os grupos nas principais redes sociais pode te ajudar.

O Facebook por exemplo, está cheio de grupos de compra e venda segmentados para cidades, países ou até mesmo produtos.
como gastar menos vendendo na internet grupos de vendas facebook
Grupos de vendas no Facebook: outra opção para
vender online gastando menos

Digamos que você participe de um grupo de vendas de sua cidade. Se alguém se interessar por sua oferta, você pode discutir em privado as questões referentes a pagamento e entrega com seu cliente.

Uma prática muito comum é incluir o valor do frete no produto para o caso de você ter de arcar com as despesas de logística.

Mas esse valor irá variar de acordo com a forma de entrega: há aqueles que entregam diretamente na residência do cliente, enquanto outros combinam um local que possa favorecer ambos. Pois em cidades grandes, entregar o produto na casa do cliente, pode sair mais caro.

Por exemplo, aqui em Salvador muita gente que vende nos grupos da cidade tem como um dos principais pontos de entrega o Shopping Iguatemi (Shopping da Bahia). Aí o vendedor acrescenta um valor que varia entre R$ 5,00 e R$ 7,00 da entrega.

Esse valor compensa para aqueles que vão ao ponto de encontro seja de ônibus, moto ou carro.

Se você tem moto ou carro, lembre-se de considerar quanto irá gastar de combustível para realizar a entrega. Pois a depender de onde você morar, poderá cobrar mais ou menos do valor do frete.

Agora se você precisar enviar o produto pelo correio, leve em consideração a opção de entrega que seja interessante para você, seu bolso e o cliente.

Marketplaces

Imagine um marketplace como um vasto shopping ou feira na internet. Vender produtos em sites do tipo marketplace é uma das maneiras mais simples e baratas de vender um produto pela internet.

Nele você pode tanto ofertar quanto fazer o comércio dos seus produtos sem que precise dominar linguagens complicadas de programação, contratar uma loja virtual ou sequer entender conceitos avançados do E-commerce.

marketplaces vender online gastando menos
Principais marketplaces

Além disso, o processo é bem simples. Primeiro você faz o cadastro no site, depois registra o produto e logo em seguida ele já estará sendo exibido no marketplace.

Veja algumas vantagens de se optar pelo marketplace para anunciar seus produtos:

Menos gastos - inicialmente, seu investimento será apenas da taxa que pagará por cada produto que você anunciar for vendido e a despesa com o envio.

Economia de tempo - Para que seus produtos estejam prontos para venda, basta fazer seu cadastro no site e em seguida cadastrar os produtos. 

E isso lhe renderá mais tempo para aprender através de atividades simples como cadastrar produtos e atender pedidos.

Aqui no Brasil, um dos queridinhos no que diz respeito a marketplaces, é o OLX.

Contudo, embora você esteja gastando menos optando por vender em um marketplace, há algumas desvantagens.

Pois como estamos falando de um sistema bem simples, então não há muitas opções de personalização. Fazendo com que sua “mini loja virtual” se pareça bastante com outras que utilizem a mesma plataforma.

Mas atualmente também existem marketplaces que oferecem recursos (pagos) para deixar a aparência do seu negócio mais profissional. O site Enjoei é uma deles.

Lá você pode optar por uma lojinha simples, ou adquirir um tema que fará uma grande diferença entre seus concorrentes.

Além disso você também pode pagar para colocar sua lojinha em uma posição de destaque no site.

Para saber como vender seus produtos no Enjoei, clique aqui.

Dropshipping

Vender via dropshipping significa que você estará revendendo produtos de uma empresa que forneça os produtos para você divulgar em seu site.

E no momento em que o cliente fizer uma compra, a diferença do valor que você definiu pelo valor definido pela empresa será o seu lucro.

dropshipping como funciona vender online pagando menos
Como a venda dropshipping funciona

Ou seja, digamos que você se cadastrou no programa de revenda via dropshipping do site DX (que tem preços muito bons) certo produto de lá está por R$ 70,00 e você está revendendo ele em seu site por R$ 120,00.

Caso alguém compre esse produto, o pedido e o pagamento serão redirecionados para o site, este fará a entrega diretamente para o cliente e os R$ 50,00 da diferença vão para sua conta.

As principais vantagens aqui é que você não precisa ter produtos em estoque e não terá de lidar com o processo de entrega, pois o próprio fornecedor entregará o produto ao cliente.

Instagram


Particularmente, eu acho o Instagram uma das ferramentas de marketing e vendas online mais poderosas da internet atualmente.

Ele é simples de usar, há um público enorme e tem como principal proposta o compartilhamento de imagens. E como já diz a frase, "uma imagem vale mais que mil palavras".

Trazendo essa frase para o contexto da internet, é mais fácil atrair a atenção das pessoas na internet com imagens ou vídeos. Isso é um fato, porque diante de tanta informação, muitos conteúdos de texto acabam passando despercebidos pelas usuários online.

Portanto o uso eficiente de fotos no Instagram é um dos fatores determinantes para você conseguir vender bem no aplicativo.

É claro que você também precisará de um bom número de seguidores. A depender do que você pretende vender, o número mínimo pode variar em torno de 3000-5000.

E se você conseguir fazer seu negócio funcionar no Instagram, pode experimentar ir além e ao invés de vender apenas seus próprio produto, venda também produtos afiliados. Tem empresas que estão pagando muito bem nessa modalidade.

Caso esteja interessado, no artigo sobre vendas no Instagram eu falo mais sobre o assunto e dou dicas para você vender bem lá.

Venda seu produto usando o Paypal no Facebook

como vender online gastando menos com facebook
Outra modalidade para vender pela internet gastando menos é usar o serviço de venda do Paypal, aliada a ferramenta de vendas em uma fan page do Facebook.

É um recurso bastante simples e que permite você criar uma postagem em uma página, onde nessa postagem terá a imagem do produto, preço e link para a página de pagamento.

Essa forma de venda é recomendável para o caso de você não trabalhar com muitos produtos em estoque ou quando quiser simplesmente vender poucos produtos por um curto período de tempo.

Para saber passo a passo como vender produtos no Facebook usando o Paypal, clique aqui.

Dicas extras

Se você quer gastar menos na hora de investir com vendas na internet, a primeira coisa a fazer é escolher uma plataforma mais barata que uma loja virtual e que ao mesmo tempo atenda suas necessidades.

Mas há outras coisas que você pode fazer no qual irá reduzir consideravelmente seus gastos durante sua trajetória de vendas na internet:

* Pesquise por produtos mais baratos - Fique de olho nas lojas tanto virtuais quanto físicas que oferecem a opção de venda por atacado e programas de revenda com vantagens como frete grátis, descontos e até mesmo consultoria de venda em alguns casos.

Se o produto que você vende for roupas, pode encontrar aqui, sites com ótimos preços de revenda.

* Estude - Uma das coisas que você precisa estar sempre fazendo para garantir sua fatia no mercado, é se atualizar.

Estude sempre que possível sobre seu setor, mantenha-se atualizado no que há de novo sobre recursos e ferramentas que podem ajudar você a vender melhor.

Visite os principais blogs e canais do Youtube para aprender técnicas de marketing para divulgar seu negócio e assim por diante.

E claro, aprender o máximo possível sobre SEO para lojas virtuais, seja para otimizar as imagens, links internos, externos, descrição dos produtos, etc.

Aqui no blog, por exemplo, você pode encontrar muitas dicas para ajudar você a vender mais.

Quanto mais você aprender e mais conseguir fazer sem depender de contratar consultorias, ferramentas e serviços de publicidade, menos você vai gastar e mais irá lucrar.

* Não se limite só a internet - Sempre que houver uma oportunidade, invista em publicidade offline. Dependendo da forma que você fizer, o gasto pode ser menor do que se você investisse em anunciar na internet com o Facebook Ads ou Google Adwords.

Como vender pela internet gastando menos - conclusão

Graças a evolução das mídias sociais e aplicativos na internet, hoje em dia deixou de ser regra contratar uma loja virtual para conseguir vender bem online.
É claro que haverá prós e contras de se optar por formas mais baratas de vender na internet.

Por isso é importante analisar qual das alternativas se encaixa melhor às suas necessidades e usá-la aliada às dicas já mostradas aqui para que seu negócio tenha o retorno desejado.
Leia Mais ►

9 ideias de negócios e produtos para vender online em tempos difíceis

Já estamos em 2017 e embora 2016 tenha sido o conhecido como o ano da crise, o tempo presente ainda se mostra difícil financeiramente falando.

Mas não estou aqui para lamentar dificuldades, e sim lhe mostrar ideias de negócios e produtos físicos ou digitais que você pode vender online para aumentar sua renda ou mesmo conseguir viver unicamente disso.

São oportunidades relativamente acessíveis e muito bem vindas, principalmente quando enfrentamos tempos econômicos tão difíceis quanto os de atualmente.


ideias de negócios online produtos para vender na internet
7 ideias de negócios e produtos para vender pela internet em tempos difíceis

Primeiro, vamos aos negócios:

IDEIAS DE NEGÓCIOS NA INTERNET


Freelancer online

"Se você é bom alguma coisa, nunca faça de graça"

Já ouviu essa frase? Do personagem Coringa do filme Batman: O Cavaleiro das Trevas. Embora seja um tanto extrema, gosto muito dela. E tem muito a ver com trabalhar como freelancer.

Não estou dizendo para você deixar a boa vontade de lado e sair cobrando por tudo que faz para os outros, só porque você é bom naquilo que faz.

Mas se você ainda não ganha dinheiro com isso, então é hora de começar.

Porque acredite ou não, tem muita gente procurando alguém como você, que é fera em Corel Draw, manja dos assuntos de criação de sites ou escreve super bem, e essas pessoas estão dispostas a pagar você por esses e outros tipos de serviço.

Daí você imagina: "Como pode ter tanta gente procurando serviços de freelancers na internet, quando dinheiro está tão difícil?

A resposta é simples: os freelancers podem oferecer serviços tão bons quanto os das empresas do ramo, porém com um preço muito mais em conta.

O bacana de se trabalhar na internet como freelancer é que você poderá encontrar nos melhores sites oportunidades para atuar em diversas áreas.

É claro que há categorias que sempre são mais procuradas como web design, escrita profissional, programação e outros.

Mas mesmo assim, se você é bom em alguma coisa, então com certeza terá trabalho (e dinheiro) esperando por você lá.

É importante ser detalhista nessa parte pois assim você poderá extrair o melhor de suas habilidades para ganhar dinheiro pela internet.

Quer um exemplo? Digamos que você manda muito bem na escrita. Então como freelancer você pode realizar os seguintes trabalhos na internet:

  • Escrever artigos para blogs (pessoais e de negócios)
  • Escrever roteiros, contos e outros textos literários
  • Resumos de livros e outras obras
  • Elaboração de projetos dos mais variados setores
  • Produção de currículos profissionais

Designer gráfico online

negócio designer gráfico online
Sem sair de casa você pode desenvolver seus trabalhos de
designer gráfico para vender online

A arte digital está presente em praticamente tudo que vemos na internet.

Sites, blogs, lojas online, entre outros, possuem em sua estrutura elementos gráficos que constituem quase toda a parte visual das páginas dos websites como vemos hoje em dia.

Se você é um amante da arte digital e tem a habilidade de criação dos mais variados trabalhos gráficos, então esse negócio é para você.

Há um número enorme de pessoas pela internet dispostos a contratar serviços de produção de:


  • Banners para sites
  • Temas personalizados para blogs
  • Banners para anúncios publicitários
  • Charges e cartoons para revistas
  • Logotipos
  • Personagens e mais um tanto de outros trabalhos. 


Para atuar nesse tipo de negócio é indispensável que você domine bem programas como Corel Draw e Photoshop.

Mas será ainda melhor se você também for capaz usar outros programas como Fireworks, Illustrator ou até os mais simples como Photoscape ou Inkscape.

Vale lembrar que como esses são programas mais pesados e que exigem mais do computador, então vale a pena considerar dar um upgrade em sua máquina caso ela não tenha configurações potentes.

Além de vender seus serviços gráficos em sua própria página na internet e nas redes sociais, você pode ganhar dinheiro com suas habilidades em sites como o Freepik.

Revenda online de produtos e serviços de outras empresas

Uma das principais despesas da criação de um negócio, está na aquisição dos produtos. E não é sempre que temos recursos disponíveis para adquirir o produto ideal para comercializar.

Em situações assim, você pode recorrer a empresas que disponibilizam em seus sites a opção de revender os produtos deles em troca de boas comissões.

Alguns desses sites são Magazine Você e Hotmart. Para conhecer mais sobre essa modalidade de negócio, clique aqui.

Marketing Multinível

Marketing Multi Nível (MMN) é um tipo de negócio que de uns anos para cá vem ganhando bastante destaque aqui no Brasil e um dos grandes nomes desse ramo é a Polishop.

Você começa se cadastrando no site e investindo em um dos planos para se tornar um empreendedor.

Aí você terá acesso a uma loja virtual personalizada com os produtos da Polishop. Estes variam de acordo com o tipo de kit que você adquirir.

Além disso, você não está limitado apenas a revender os produtos da sua loja virtual (venda direta) mas também intermediando vendas para a Polishop e com isso ganhar excelentes comissões.

Outra maneira de ganhar dinheiro nesse negócio é através de indicações.

Se um novo empreendedor Polishop é cadastrado através de uma indicação sua, você será pago por isso.

Você também poderá ganhar bônus por nível de liderança e dependendo de seu desempenho poderá fazer parte de grandes eventos realizados pela empresa e grandes viagens.

Junto à loja virtual você terá acesso a um escritório virtual para administrar seu negócio com a maior eficiência.

Cursos online

Você é bom em fotografia? Manda muito bem na cozinha? Domina um monte de assunto sobre tecnologia? Então pode ter muita gente que vai querer aprender isso de você.

Portanto, que tal vender seu conhecimento montando um curso online?

Atualmente há plataformas como a Udemy na qual permite que você hospede todas as vídeo aulas que você produzir, e estas sejam acessíveis às pessoas que fizerem a inscrição no seu curso online, mediante um valor definido por você.

ideias de negócios na internet vender cursos online udemy
Venda seus cursos na internet com o site Udemy

E tudo com uma estética muito profissional, o que garante que seu negócio transmita seriedade e confiança ao público.

Falando em público, há um enorme procurando aprender todo tipo de coisa na internet e por um preço mais acessível que o dos cursos presenciais.

E você pode até conhecer pessoas assim aí onde você mora. Por isso quando for começar, elas poderão ser seus primeiros clientes.

E lembrando só mais uma vez que após realizar as vídeo aulas, dê um belo tratamento de edição nelas principalmente em relação à qualidade de imagem e som.

No mais, se você conseguir adicionar vinhetas ou algum efeito interessante e útil para o cliente, melhor ainda.

IDEIAS DE PRODUTOS PARA VENDER NA INTERNET


Venda de artesanatos, produtos feitos à mão

artesanato para vender online em tempos de crise
Já pensou no quanto pode ser prazeroso ganhar dinheiro vendendo
belos trabalhos como esses na internet?

Artesanatos estão super em alta.

Seja para decorar um apartamento recém comprado, ornamentar uma festa infantil, ou dar um visual mais natural a um ambiente, esses trabalhos artísticos tem cada vez mais se tornado a primeira opção de muitos compradores.

Algumas razões disso estão no fato de que podem sair bem mais baratos do que outros objetos de decoração, são únicos e podem ser feitos de acordo com seu gosto, personalidade e ambiente.

Veja a lista de alguns dos artesanatos que estão fazendo sucesso nos lares de muitas pessoas:


  • Conjuntos para cozinha, banheiro, sala
  • Lençóis e fronhas
  • Forro para almofadas
  • Tapetes
  • Artes em garrafas
  • Bolsas
  • Colares
  • Toalhas de mesa
  • Enfeites diversos de parede


etsy brasil site para vender artesanato online
No site Etsy você pode vender artesanatos e vários outros produtos feitos à mão
Uma loja virtual seria ideal para vender artesanatos online.

Mas caso queira uma alternativa mais em conta, ou não tenha muitos produtos para vender inicialmente, os grupos de compra e venda do Facebook ou o site Etsy são duas grandes opções para vender.

O Etsy é um marketplace dedicado especialmente a venda de artesanatos, outros produtos feitos à mão e seminovos. 

Além disso, lá você também pode adquirir diversos materiais para a fabricação de produtos.

Venda online de semijoias

semijoias para vender pela internet
Atualmente pode-se encontrar semijoias de ótima qualidade com preços
bem acessíveis de atacado para revenda

Se produzir bem para um evento inesquecível faz parte do estilo de vida de muitos homens e (principalmente) mulheres.

Porém não é sempre que dá para comprar um belo par de brincos ou um colar feito com lindas joias.

E em momentos assim, as semijoias são um prato cheio para ficar muito bem na foto, sem precisar gastar muito.

E o mesmo vale para você! Sem gastar tanto, é possível adquirir um kit completo de belas peças e revendê-las online por um preço bem lucrativo.

Você pode adquirir esses produtos em sites como Imagens e Folheados ou Rommanel que já atuam há anos nesse mercado.

Desenhos feitos à mão

ganhar dinheiro na crise vendendo desenhos online
Muitos desenhistas de vários estilos estão faturando muito bem vendendo seus trabalhos online

Como eu gosto muito de desenhar, não podia deixar de falar desse assunto aqui no blog.

De uns tempos para cá, tenho visto muitas pessoas, algumas até amigos meus, muito felizes com o dinheiro que estão ganhando, vendendo desenhos na internet.

Então se você é um amante da arte de desenhar e domina muito bem essa área, que tal começar a pensar nisso como uma oportunidade de aumentar sua renda e superar a crise?

Você pode vender seus desenhos no Facebook ou no Instagram, como vejo muitos desenhistas talentosos fazerem.

Você também pode aumentar suas vendas comercializando seus desenhos na DevianArt, uma comunidade voltada para desenhistas.

Produtos usados

vender produtos usados na internet
Em tempos de crise, comprar produtos novos pode ser um desafio e tanto. Principalmente se for um produto que por sua própria natureza possui um preço alto (carro, iPhone, notebook, etc.).

E por causa disso, tem muita gente que está recorrendo aos usados, para satisfazer seu desejo ou necessidade de adquirir um novo produto.

E é aqui que mora a oportunidade que já está sendo aproveitada por muitos!

Se você possui algum produto em bom estado, peças de roupa, acessórios ou outros itens na mesma situação, então essa é a hora perfeita para montar seu brechó online e fazer um bom dinheiro, ao mesmo tempo em que se desfaz das coisas que não tem mais vontade de usar.

Você pode montar um brechó online, usando uma plataforma grátis como a Loja Integrada, ou uma mais sofisticada e com mais recursos como a Shopify.

Além disso, você pode optar por um marketplace como o Enjoei, que cobrará uma taxa para cada venda que você realizar, ou desapegar dos seus usados no OLX.

Alguns dos produtos usados mais procurados pelas pessoas na internet atualmente são:

  • Carros
  • Motos
  • Celulares (iPhone é um dos mais buscados nessa categoria)
  • Bicicleta
  • Notebooks
  • Livros
  • Roupas

Pronto para começar a trabalhar online? 

As ideias que você acabou de ver, podem ser uma saída para conseguir um dinheiro extra, ou até mesmo para viver unicamente disso. 

Tudo vai depender de quanto dinheiro e tempo você terá disponíveis para investir, quais estratégias usará para lidar com a concorrência e a sua própria dedicação.

Sucesso e boas vendas!

Gostou? Então leia também:
Leia Mais ►

7 Dicas Para Vender (E MUITO!) Produtos Afiliados Em Um Blog

Vender produtos afiliados é sem dúvida uma forma real de ganhar dinheiro com blogs na internet. Porém a coisa complica quando lembramos que atualmente existem milhões de blogs online e esse número não para de crescer!

Então vem aquela pergunta: "será que vale a pena dedicar tempo e dinheiro investindo em um blog para revender produtos afiliados?"

Para sua alegria, a resposta é SIM!

Porém (sempre há um porém não é?), ganhar muito dinheiro vendendo produtos afiliados não é algo que você irá conseguir da noite para o dia.

Mas se você seguir os passos certos, será capaz de começar a vender os produtos com seu blog até chegar ao ponto de conseguir uma excelente renda mensal, sem precisar levar uma eternidade para isso, ou quebrar tanto a cabeça como acontece com muita gente desinformada.

E falando em informação, vou listar aqui 7 dicas que irão lhe ajudar a vender muito bem os seus produtos afiliados em seu blog, independente do tipo de produto ou infoproduto que pretende vender.

Mas antes um pequeno aviso a você querido leitor: esse artigo foi cuidadosamente criado levando em consideração que você já sabe como funciona o sistema de vendas de produtos afiliados em blogs ou até mesmo já começou a atuar nesse tipo de negócio.

Portanto se você ainda não sabe nada sobre marketing de afiliados, sugiro que leia esse artigo.
Lá você encontrará um tópico explicando direitinho como funciona a venda de produtos afiliados em blogs.

Assim você não ficará perdido ou com muitas dúvidas quando chegar em determinado ponto desse artigo.

Dito isso, vamos em frente!



Dica 1: Ao invés de vender o produto, ofereça a solução de um problema

Muitos pensam que vender um produto consiste em simplesmente tentar convencer alguém a comprar algo, apresentando suas características e preço. Só que é bem mais que isso.

Quando você for vender produtos afiliados em seu blog, tenha em mente de que seu público está procurando a solução para um problema que ainda não conseguiu encontrar em outro lugar.

Então você precisa convencer seu público de que ele encontrará os benefícios e soluções que estão procurando ao comprar o produto em seu blog, seja ele para satisfazer um desejo ou uma necessidade.

Esse princípio é muito usado pelas lojas virtuais, para escrever descrições que convencem o visitante a comprar um produto.

Ao invés de fazer um único post falando sobre o produto para tentar vendê-lo através deste post, faça outras postagens sobre esse produto falando dos benefícios, mostrando dados como gráficos, depoimentos, novidades e resultados reais das soluções e benefícios que o produto promete.

Dica 2: Construa uma lista de email segmentada

Aqui está uma das coisas mais importantes a serem trabalhadas em seu blog: a sua lista de emails.

Pessoas acessam emails praticamente todos os dias (eu por exemplo acesso todo santo dia). Quando você consegue um inscrito em sua lista, isso significa que você conseguiu o interesse do visitante pelo o que seu blog tem a oferecer.

Mesmo que inicialmente ele não esteja interessado em comprar produto algum, essa é a chance perfeita para você dar mais do que ele está buscando.

Por isso que é fundamental quando você for construir seu blog, definir bem o tipo de assunto a ser tratado.

Por exemplo, se você for falar sobre esportes, fará isso de um modo geral ou atuará em um nicho mais específico como futebol? Ou ainda mais afunilado, como por exemplo falar de um só time?

Digamos você decida lançar um blog sobre moda masculina ou feminina. Esse é um tema que abrange muito conteúdo certo? E digamos que depois de um tempo você consiga 30 inscritos.

E que desses 30 inscritos, 11 se inscreveram na sua lista porque gostaram de uma postagem super bacana que você fez sobre uma nova marca de tênis, enquanto os outros 19 se inscreveram através de postagens de assuntos variados.

Agora imagine que atualmente os únicos produtos afiliados que você está dedicando seus maiores esforços para vender em seu blog são roupas. E que um belo dia você cria um novo artigo falando de uma calça jeans que está super na moda e com uma promoção irresistível.

Advinha o que vai acontecer quando você lançar uma campanha de email marketing para promover esse novo artigo para sua lista de 30 inscritos? As chances de alguém comprar essa calça através do seu post é quase nula.

Ou no pior caso o leitor sequer vai abrir o email.

Entendeu porque é importante ter uma lista segmentada de emails? Fazendo isso você terá chances muito maiores de converter vendas.

Lembre-se que falar de um assunto com um público enorme é uma faca de dois gumes: você terá mais oportunidades ao mesmo tempo em que terá uma concorrência muito mais cruel para enfrentar.

Portanto considere afunilar seu nicho falando de algo mais específico ao invés de generalizar tanto. a não ser que você trabalhe em parceria com outras pessoas para escrever artigos com você, ou fazer como muita gente faz e comprar artigos otimizados em sites freelancer.

Ao atuar em um nicho mais específico, você poderá dedicar todos os seus esforços para um único assunto e poderá produzir mais artigos sobre isso, terá de lidar apenas com um tipo de público e focar em um único tipo de produto, infoproduto ou serviço para revender.

Agora para aumentar as chances de um visitante se inscrever em sua lista, vale a pena usar algumas estratégias como:


  • Posicione o formulário de inscrição em locais estratégicos - como no final das postagens ou no meio delas. Nesse caso é interessante colocar um texto tipo: "Está gostando da leitura? Então se inscreva em nossa lista e não perca mais nenhum artigo!".
Agora um pequeno segredinho: tá vendo essa barra? Ela fica lá no topo do meu blog, e depois que a coloquei, minha quantidade de inscritos aumentou lindamente. :)

  • Usar call to action atraentes - a call to action pode ser um botão, link ou imagem que incentiva um visitante a fazer algo no seu blog. Nesse caso a se inscrever em sua lista. Quanto mais clara for sua call to action, mais fácil ela chamará a atenção dos seus leitores.
call to action vender produtos afiliados com blog
Exemplo de Call to Action

  • Ofereça algo em troca - outra estratégia já conhecida e que ainda funciona muito bem. Incentive seus leitores a se inscrever em seu blog em troca de um E-book, guia, planilha, etc. Se você oferecer um item realmente útil e usando as palavras certas, será praticamente irresistível para o visitante sair do seu blog sem se inscrever nele.
  • Deixe o formulário o mais resumido possível - o mais indicado é exigir apenas o email. Mas se você precisa de outras informações como nome, faça da forma mais resumida possível. Peça apenas o primeiro nome. Não caia no erro de exigir mais informação do que o visitante está disposto a dar, como telefones ou endereço.

Dica 3: Crie avaliações detalhadas e críveis do produto que está vendendo

Aqui está outro fator determinante do sucesso do seu blog de afiliados: avaliações dos produtos.

Você pretende ganhar belas comissões revendendo produtos afiliados em seu blog certo? Mas para isso precisará falar sobre ele e convencer o visitante a comprá-lo correto?

Então, tudo que você precisa fazer é reunir todas as informações sobre o produto, jogá-las em uma postagem e pronto! As vendas começam a acontecer certo?

Errado.

Sabe por que hoje em dia muitos blogs estão se dando bem, vendendo produtos afiliados online, mesmo naqueles mercados saturados como ganhar dinheiro online, relacionamento ou saúde?

Porque tem um monte de gente que antes de comprar um produto na internet, pesquisa sobre esse produto em blogs e fóruns, pois é lá que vão encontrar muito mais informações do que na própria loja virtual desse produto.

É lá que estão as preciosas resenhas de produtos.

Uma boa resenha vai muito além de uma descrição e informações técnicas. Nela está também o relato e dicas valiosas de quem já usou o produto e conhece de verdade seus prós e contras.

É por isso que hoje em dia, quase todas as lojas virtuais bem sucedidas possuem um blog e usam essa ferramenta para fazer com que as pessoas conheçam ainda mais seus produtos e benefícios.

As pessoas se sentem mais seguras a comprar algo quando vêem a opinião de outras pessoas que já compraram e se satisfizeram, seja na hora do pagamento, recebimento ou uso do produto.

Por isso, quando for escrever a resenha de um produto (seja ele digital ou físico) ou serviço, saiba do que está falando, porque se for para simplesmente falar para o leitor o que ele já sabe, é melhor nem começar.

Dica 4: Evite ir atirando para todos os lados

ganhar dinheiro com blog produtos afiliados diversos
Não caia na besteira de tentar vender vários
produtos afiliados diferentes

Uma prática muito conhecida pelos especialistas no assunto e condenada por todos eles.

Se inscrever em várias plataformas de afiliados para tentar vender um monte de produtos diferentes para ver se no final consegue se dar bem pelo menos em dois ou três produtos.

No final, isso poderá lhe render absolutamente nada, além de muito trabalho, investimento de tempo e dinheiro.

Foque em um produto se você estiver no início. E quando as coisas começarem a dar certo, aí é a hora de experimentar outros produtos, até descobrir o que está vendendo mais em seu blog e assim focar 100% nestes.


Dica 5: Faça um uso eficiente das redes sociais para divulgar seus posts

Ter pelo menos uma página no Facebook e no Instagram para divulgar seu blog é regra. E fazer isso do jeito certo é fundamental.

Colocar um link nas suas páginas sociais esperando que as pessoas cliquem, não vau funcionar tão bem. É preciso proporcionar o engajamento, ser ativo nas redes, criar parcerias e fazer networking.

Além disso, tire o máximo proveito dos recursos que as redes oferecem, usando imagens poderosas e com qualidade. Vídeos, hashtags

Criar enquetes competições também é uma ótima forma de engajar o público. A regra é não deixar suas redes paradas e proporcionar informações úteis e que entretenham o público.

Caso você consiga vender muito bem depois de um tempo, considere separar um dinheiro para investir em publicidade, seja no Facebook ou Instagram.

Se você fizer corretamente seu retorno sobre investimento valerá cada centavo investido.

Dica 6: Convide seu público para conhecer um novo produto com um webinar

Webinars são poderosos. Não tenha dúvida disso.

Pense bem: se você tivesse a oportunidade de conhecer um produto através de uma resenha em um blog ou em um webinar, qual você escolheria?

vender produtos afiliados com webinars
Uma ferramenta como a Leadpage permite que você crie uma landing page onde as pessoas poderão se inscrever. E na ferramenta Google Hangouts você pode apresentar seu webinar.

A dicas mais importantes aqui são: preparar tudo com antecedência. O webinar, conteúdo que você irá apresentar sobre o produto, etc.

Webinars são perfeitos para promover o produto que você vendendo, em tempo real, ao mesmo tempo em que engaja com o público.

É o cenário ideal para apresentar um produto e tirar as dúvidas que surgir das pessoas.
Tire o proveito máximo de um webinar para fazer coisas como:

  • Apresentar as características do produto
  • Informar os prós e contras
  • Contar sua história pessoal em relação ao produto
  • Diferentes utilidades para o produto
  • como as pessoas podem aproveitar o máximo a função do produto.

E no final da apresentação, coloque o link de afiliado para o produto que está vendendo. Se você fez uma apresentação impecável do produto, as vendas virão naturalmente.

Dica 07: Crie um artigo do tipo "como usar" o seu produto afiliado

Um dos artigos preferidos pelos blogueiros é o bom e velho "como usar" ou "como fazer". E isso não é atoa. Afinal, se tem uma coisa que os internautas procuram na internet é como fazer ou usar alguma coisa.

Crie um artigo ensinando a usar o produto que você está vendendo. Faça de uma forma que pareça muito mais atraente aprender a usar o produto lendo seu artigo, do que lendo as informações técnicas que existem no site do produto ou no manual deste.

Use linguagens mais simples e um pouco de humor, quando conveniente. Mas sem deixar de ser profissional e nem ocultar informações relevantes.

Usar imagens que ajudem na compreensão do tutorial também dará bons resultados.

Assim, as pessoas se sentirão ainda mais interessadas em adquirir o produto, já que graças a seu artigo, elas agora já sabem como usar e estão ansiosas para experimentar.

Chegou a hora de se tornar um afiliado bem sucedido!


Você acabou de ver 7 dicas que podem ser o que estava faltando para dar aquela turbinada nas vendas dos produtos afiliados do seu blog.

No mais, vale lembrar que para essas dicas funcionarem ainda melhor, é bom estar com seu blog bem trabalhado no SEO, ser ativo também nas redes sociais voltadas para o assunto e criar postagens regularmente.

Dito isso, mãos a obra e boas vendas!

Veja também:
7 maneiras de ganhar dinheiro na internet e fora dela com sua câmera digital
7 dicas para realizar sua primeira venda na internet
Como realizar uma pesquisa de mercado na internet de graça
Como vender o seu conhecimento online
9 ideias de negócios e produtos para vender na internet em tempos de crise
Leia Mais ►